Tenho Uma Cabra Cabrita


A rola põe-se na rua
O botão põe-se na casa
Vem o sol e vai a lua
E a formiga perde a asa

Perco eu a inspiração
Tudo o que faço não rima
Já perdi o que foi para baixo
E vou perder
O que vem para cima

Tenho uma cabra cabrita
Que lindos saltos me dá
É uma cabra tão bonita
Que é cabra mas não é má

Tenho uma abelha rainha
Que da minha aldeia trouxe
Linda toda amarelinha
Da cor do seu mel tão doce

Tenho um grilo na gaiola
Um galo na capoeira
Tenho na porta uma argola
E vivo desta maneira

Tenho um noivo militar
Que já me deu um anel
Só espero p'ra me casar
Que ele saia do quartel

A casca da fava não é
Igual à da ervilha
E também o garrafão
É diferente da bilha

Vinho leva o garrafão
Cheia de água vai a bilha
Já tenho a fava na mão
Já só me falta a ervilha

Amália Rodrigues