Eu Vivo a Vida Perdida

Viver é estar-se perdido
Não sei se o terei ouvido
Se o li ou inventei
Desta ou daquela maneira
Não sou menos verdadeira
Nesta verdade que achei

Eu vivo a vida perdida
Sem esperança de me encontrar
Eu vivo e vai-se-me a vida
A tentar compreender
Sem conseguir entender
Porque me sinto perdida
Porque me sinto viver

Cantai-me o último fado
Peço flores dai-me flores
Que eu já vou a enterrar
Já me mataram as dores
Do sol que eu tinha no olhar
Ficou-me a noite tão escura
Talvez fosse de chorar

Amália Rodigues